Director: Octávio Soares - Contacto: 00239 9923140 - E-mail: jornaltropical05@hotmail.com - www.jornaltropical.st

Publicidades

 

Transferir STome_logo_cmyk.jpg (1075,9 KB)


Afriland First BanK- O Banco de confiança

 

Programa de Apoio Participativo à Agricultura Familiar e Pesca Artesanal (PAPAFPA)
 
Sociedade de Manutenção, Construções e Serviços
   
CERVEJEIRA ROSEMA 

Transferir STome_logo_cmyk.jpg (1075,9 KB)

siga-nos no Facebook

 https://www.facebook.com/SaoTomePestana

 


Presidente de S. Tomé e Príncipe em Luanda para Cimeira dos PALOP

30-06-2014 O Presidente de São Tomé e Príncipe, Manuel Pinto da Costa, chegou ao princípio da noite hoje (domingo), a cidade de Luanda, onde vai testemunhar, na segunda-feira, a cerimónia Constitutiva do Fórum dos cinco Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa, a denominar-se "FORPALOP".

No aeroporto, o estadista são-tomense foi saudado com honras militares por parte da guarda presidencial, tendo sido depois recebido pelo Chefe da Diplomacia Angolana, Georges Rebelo Chikoti, com quem manteve uma breve conversa, acompanhada pelo ministro da economia, Abraão Gourgel, altos funcionários do seu pelouro, diplomatas e entidades do governo da província de Luanda.

Com mesmo objectivo de participar na Cimeira Constitutiva do Fórum dos cinco Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa, encontram-se já na capital do país, o Primeiro-Ministro moçambicano, Alberto Vaquina, que representará o Presidente Armado Quebuza, e os Chefes de Estado de Cabo-Verde e Guiné Bissau, Jorge Carlos da Fonseca e José Mário Vaz.

O FORPALOP é um instituição multilateral, privilegiando a concertação político-diplomática e de cooperação, bem como de aprofundamento das históricas relações de amizade e solidariedade.

Dos princípios orientadores de que se regerá o Fórum, destacam-se a igualdade, soberania e independência dos Estados membros, a não ingerência nos assuntos internos de cada Estado e o respeito pelos princípios democráticos.

A organização defende ainda o respeito pelos direitos humanos e o Estado de direito, integridade territorial, promoção da paz e da segurança internacionais, a resolução pacífica de conflitos, bem como a observância do preceituado no Acto Constitutivo da União Africana (UA).

São membros deste Fórum de consulta político-diplomática, as Repúblicas de Angola, Moçambique, Cabo-Verde, São Tomé e Príncipe e Guiné-Bissau, país que recentemente regressou a normalidade constitucional, com a realização das eleições, ganhas pelo Presidente José Mário Vaz, que cumpre a sua primeira visita oficial ao país.

Depois dos debates, os estadistas deverão aprovar a data e local para a realização da próxima Cimeira, bem como procederão a assinatura da Declaração Constitutiva do Fórum dos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (FORPALOP).

O programa do encontro prevê ainda a leitura do comunicado final por parte do ministro das Relações Exteriores, Geroges Rebelo Chicoti, seguindo-se, ainda no início da tarde de segunda-feira (30 de Junho), o almoço oficial que o Presidente José Eduardo dos Santos vai oferecer aos estadistas visitantes. redação com angop.

« Retroceder

 
   
 
 
Jornal Tropical | Todo Direito reservado | Av. Marginal 12 de Julho | São Tomé e Príncipe | jornaltropical05@hotmail.com - 00239 9923140