Director: Octávio Soares - Contacto: 00239 9923140 - E-mail: jornaltropical05@hotmail.com - www.jornaltropical.st

Publicidades

 

Transferir STome_logo_cmyk.jpg (1075,9 KB)


Afriland First BanK- O Banco de confiança

 

Programa de Apoio Participativo à Agricultura Familiar e Pesca Artesanal (PAPAFPA)
 
Sociedade de Manutenção, Construções e Serviços
   
CERVEJEIRA ROSEMA 

Transferir STome_logo_cmyk.jpg (1075,9 KB)

siga-nos no Facebook

 https://www.facebook.com/SaoTomePestana

 


São Tomé e Príncipe acolhe I Fórum sobre Cooperativismo e Comercialização

4-06-2014   Teve inicio nesta quarta feira, 4 a 5 de Junho na sala de conferencia do Centro Cultural Português de S. Tomé e Príncipe o I Fórum sobre o Cooperativismo e a Comercialização, para encontrar soluções com vista na comercialização dos bens alimentares locais.

O Fórum contou com a  iniciativa dos representantes da comissão dos projectos PIPAGA, PDCA, PROFOPESCAS  E PDSA-II sediada em S. Tomé e Príncipe.

Encontro que reuniu vários técnicos agrícola nacionais para encontrar soluções com vista na comercialização dos bens alimentares locais, através de uma melhor organização do sector com o financiamento de cooperativista legalmente recolhidas.

O Ministro do Comércio, Industria e Turismo de São Tomé e Príncipe, Demóstenes Pires dos Santos, que presidiu abertura do fórum  realçou , “é  louvável a iniciativa dos representantes da comissão dos projectos PIPAGA, PDCA, PROFOPESCAS E PDSA-II, em promover o Fórum sobre os aspectos ligados a comercialização e cooperativismo em São- Tomé e Príncipe que tem como objectivo principal o reforço das estruturas associativistas e de pequenas cooperativas comerciais agrícolas e piscatórias”.

Demóstenes Pires dos Santos disse , este fórum constitui um passo significativo para a promoção e desenvolvimento sócioeconomico de S. Tomé e Príncipe na medida em que o associativismo cooperativista vem fomentar  e permitir uma maior organização dos produtores para a pratica de produção, transformação e comercialização agrícola interna agregando valor a produção familiar.

“ As cooperativas podem ajudar-nos a alcançar os objectivos do milénio, incluindo a erradicação da pobreza, sustentabilidade, auto-ajuda e responsabilidade mútua, que caracterizam as cooperativas, podem constituir pilares do nosso esforço comum na construção de um mundo mais justo.”. disse  o Ministro

“ o Governo de que faço parte tem empenhado  para potencializar as cooperativas, pois, alem delas serem consideradas de veículos apropriados para a criação de emprego e fortalecimento económico, as cooperativas promovem o desenvolvimento rural, aumento da segurança alimentar, melhoria das reformas sociais, e facilita o acesso a insumos de produção e aos novos mercados com vista estabelecer  a ligação entre os sectores formal e informal  determinante para o desenvolvimento económico e social”. Sublinhou

 O ministro reconheceu que as reformas que estão a ser implementadas na área de agricultura e pesca é a contribuição convincente de que o governo através do Ministério de Agricultura e Pesca vem trabalhando em políticas que visam a promoção e fomento da produção local com vista a um crescimento económico sustentável e integrado.

Para concluir, Demóstenes Pires acrescentou ainda, O Governo juntamente com outros atores, sobretudo o sector privado estão engajados para em conjunto encontrar soluções viáveis e sustentadas para a comercialização dos bens alimentares locais, com participação de vários projectos de apoios sectorial como, o Projecto de Apoio Participativo e Pesca Artesanal (PAPAFPA), PROFOPESCAS, PRIASA e PDSAII, entre outros.  

 Octav. Soares

 

« Retroceder

 
 
 
Jornal Tropical | Todo Direito reservado | Av. Marginal 12 de Julho | São Tomé e Príncipe | jornaltropical05@hotmail.com - 00239 9923140