IMG-LOGO
   

            

 

 

 

Aeronave híbrida Tecnam P2010 H3PS sobe aos céus pela primeira vez

 

 Um marco na aviação verde O Tecnam P2010 H3PS é a primeira aeronave da Aviação Geral com configuração híbrida paralela a voar, representando um marco importante na jornada da indústria da aviação em direção à descarbonização e P&D em powertrains alternativos.

 

Cápua, Itália, 15 de fevereiro – A Tecnam Aircraft, em colaboração com equipes especializadas da Rolls-Royce e Rotax, voou com sucesso a nova aeronave híbrida P2010 H3PS pela primeira vez em 21 de dezembro de 2021, exatamente às 15h54 CET. A Permissão de Voo foi emitida pela ENAC, a Autoridade de Aviação Civil Italiana.

 

O voo foi realizado pelo Piloto Chefe de Testes Experimentais da Tecnam, Lorenzo De Stefano, com as equipes Tecnam, Rolls-Royce e Rotax em terra auxiliando neste momento histórico. O Tecnam P2010 H3PS é alimentado por um motor Rotax 915 IS de 104kW acoplado a um motor elétrico Rolls-Royce de 30kW, totalizando 134kW (180hp) powertrain em uma configuração híbrida paralela totalmente integrada. Como tal, esta aeronave de quatro lugares é a primeira de seu tipo.

 

 De acordo com o diretor de P&D da Tecnam Aircraft, Fabio Russo, a demonstração bem-sucedida do teste de voo do H3PS marca um marco importante na jornada da indústria da aviação em direção à descarbonização e P&D em powertrains alternativos. “Embora o H3PS não seja destinado a fins de mercado, nossos testes de voo bem-sucedidos demonstram que o trem de força híbrido, com motor de combustão acoplado a um motor elétrico, pode suportar a mesma carga útil do motor de combustão tradicional de 180hp”, disse Russo.

 

H3PS, que significa “High Power High Scalability Aircraft Hybrid Powertrain”, é um projeto financiado pelo programa de pesquisa e inovação Horizon 2020 da União Europeia. Lançado em 2018, o projeto atingiu seus objetivos. Com o sucesso do H3PS, a Tecnam Aircraft e os parceiros do projeto validaram o potencial de escalabilidade da aeronave, emissões mais baixas, tecnologia de gerenciamento de energia de última geração, construindo uma plataforma de lançamento viável para futuros modelos de aeronaves verdes. Comentando sobre os desenvolvimentos futuros, o diretor administrativo da Tecnam, Giovanni Pascale Langer, afirmou que a empresa continuará se concentrando em impulsionar a transição verde na aviação. “A abordagem da Tecnom à inovação é verdadeiramente sustentável”, disse Pascale Langer. “Nosso desenvolvimento se concentra em três pilares fundamentais: soluções ecologicamente corretas, tecnologicamente viáveis ​​e comercializáveis.

 

Fazemos isso aproveitando nossa experiência multigeracional, pesquisa e desenvolvimento, tecnologia de última geração e parcerias estratégicas.” “Estou ansioso para ver o H3PS inspirar mais inovação e impulsionar nossa indústria com tecnologias mais limpas e eficientes”, concluiu Pascale Langer. Rob Watson, presidente da Rolls-Royce Electrical, acrescentou: “O primeiro voo bem-sucedido do demonstrador P2010 H3PS é uma conquista pioneira da equipe para avançar no voo híbrido-elétrico. Trabalhar com a Tecnam e a Rotax foi extremamente benéfico, e este projeto continuou a desenvolver nossas capacidades no fornecimento de energia elétrica e sistemas de propulsão totalmente elétricos e híbridos para o mercado de mobilidade aérea avançada.

 

A Rolls-Royce está empenhada em investir em soluções tecnológicas para permitir e entregar uma aviação sustentável.” "Estamos muito satisfeitos por podermos intensificar nossa colaboração com a Tecnam e a Rolls-Royce dentro do projeto H3PS. Os testes mostraram que ainda há desafios a serem enfrentados, porém devido aos esforços de todas as três partes o voo de teste pôde ser concluído com O projeto mostrou que a joint venture com o conhecimento qualificado dessas três empresas globais na aviação leva a resultados muito interessantes e orientados para o futuro para sistemas de propulsão inovadores", disse Michael Dopona, chefe de design Organização BRP-Rotax. "Em dezembro de 2021, a ENAC emitiu a licença para voar, para fins de pesquisa e desenvolvimento" - comentou o Diretor Geral da ENAC, Alessio Quaranta - "à primeira aeronave da Aviação Geral Made in Italy movida a sistema de propulsão híbrido (elétrico - combustível sem chumbo): o Tecnam P2010 H3PS.

 

Trata-se de uma importante inovação tecnológica em prol da economia de consumo e emissões. A ENAC participou ativamente deste desafio no desenvolvimento do novo sistema de propulsão e sua integração na fuselagem do Tecnam P2010, em linha com o compromisso da Autoridade para uma Aviação Sustentável futuro." Sobre H3PS H3PS (sigla para "High Power High Scalability Aircraft Hybrid Powertrain") é um projeto financiado no âmbito do programa de pesquisa e inovação Horizon 2020 da União Europeia, Grant Agreement nº 769392. Sobre a Tecnam: A Tecnam é uma fabricante italiana de aeronaves com uma rede global de revendedores e centros de serviços. A empresa produz aeronaves leves de pistão de próxima geração para aviação geral com dois a 11 assentos para operadores comerciais, missões especiais, escolas de voo e proprietários particulares. As raízes da TECNAM remontam aos irmãos italianos Luigi e Giovanni Pascale